Memória curta: Veneziano lembra e mostra a Lira que duplicação da BR-230 foi pleito de Vitalzinho

O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo relembrou nesta segunda-feira, 29, uma ação importante da atuação parlamentar do ex-senador e atual ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rego Filho. Veneziano citou o que fez Vitalzinho, representando a Paraíba no Congresso Nacional, pela concretização da duplicação da BR 230, no trecho entre Campina Grande e a Praça do Meio do Mundo, pleito do mandato de Vitalzinho que agora se torna realidade.

Veneziano fez questão de publicar em suas redes sociais dois documentos que comprovam essa luta que Vital começou para a conquista e execução das obras do primeiro trecho da duplicação Litoral/Sertão, iniciado entre Campina e São José da Mata.

O primeiro documento publicado por Veneziano mostra que, no dia 13 de dezembro de 2012, o então senador Vital do Rego protocolou, junto ao Ministério dos Transportes, o pedido de liberação de recursos do convênio 653305/2008, da ordem de R$ 17.590,105,85 milhões para a obra de adequação das BRs 104 e 230.

No segundo documento, datado de 21 de agosto de 2013, o então senador Vital do Rêgo recebe uma resposta do DNIT na qual José Florentino Caixeta, diretor de Planejamento e Pesquisa, confirma o atendimento do pleito.

Veneziano disse que, por questão de justiça, pediu cópias dos documentos para publicar em suas redes sociais e recordar mais esta ação do ex-senador Vital do Rêgo em favor de Campina Grande e da Paraíba.

“É uma obra de muita importância para Campina e para os paraibanos e eu faço questão de registrar, até por dever de justiça, e para que os que não citam o nome dele lembrem, que foi Vital, sim, quem iniciou esta luta e foi ele, sim, quem garantiu, ainda no decorrer do seu mandato, recursos necessários para esta ação tão importante e de tamanho alcance econômico para todos nós”, destacou Veneziano. Fonte Paraíba Já.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.