Na Capital, rede municipal de Saúde disponibiliza 18 tipos de vacinas e realiza Dia D neste sábado

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) disponibiliza gratuitamente 18 tipos de vacinas que fazem parte do calendário de rotina e Programa Nacional de Imunização (PNI). De janeiro a agosto de 2020, já foram ofertadas 152.056 doses. Neste sábado (17), Dia Nacional da Vacinação, a SMS realiza o Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação e a Vacinação contra a Poliomielite.

Em todas as Unidades de Saúde da Família (USF), Policlínicas Municipais e Centro Municipal de Imunização (CMI) são ofertadas vacinas como BCG, Hepatite B, Hepatite A, Pentavalente, DTP, VIP, VOP, Meningocócica C, Pneumocócica 10, Rotavírus, Tríplice viral e Varicela para as crianças. Já para os adolescentes, dT, Hepatite B, Tríplice Viral, HPV e Meningocócica C; e para os adultos, dT, Hepatite B e Tríplice viral.

Além das vacinas que fazem parte do calendário como esquema vacinal, também são ofertadas a vacina antirrábica humana e a de febre amarela para casos específicos dos usuários. Para ser vacinado, é preciso estar portando o Cartão de Imunização, que vai orientar sobre a necessidade da administração e a forma como vai acontecer.

Como parte do Programa Nacional de Imunizações (PNI) e do programa de vacinação da rede municipal de saúde, em 2019, foram administradas 432.950 doses de vacinas no município. Sendo as mais procuradas a vacina de Hepatite B (61.131 doses administradas), Tríplice Víral (55.496 doses administradas) e dT (54.330 doses administradas).

Dia D de Multivacinação – O Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação e a Vacinação contra a Poliomielite será neste sábado (17), das 8h às 12h, em mais de 100 pontos de atendimento, entre Unidades de Saúde da Família (USFs), Policlínicas Municipais e Centro Municipal de Imunização (CMI). Na primeira semana de campanha, que segue até o final do mês, já foram imunizadas aproximadamente 3.200 crianças.

O público-alvo estabelecido pelo Ministério da Saúde para a multivacinação são as crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade. Já a campanha contra a poliomielite é voltada para as crianças menores de cinco anos de idade, com estratégias diferenciadas para as crianças menores de um ano e para aquelas na faixa etária de 1 a 4 anos de idade.

Vacina – As vacinas têm como objetivo simular, de forma segura, uma doença infecciosa, sem causar a doença nem efeitos colaterais graves. A partir do momento que as doses são aplicadas, a vacina desencadeia uma série de reações imunológicas, que levam a um estado de proteção (imunidade protetora) contra a doença para a qual a vacina foi desenvolvida.
                              
Para a maioria das vacinas atualmente disponíveis, a imunidade protetora é atribuída à produção de anticorpos que reconhecem o patógeno, agente causador de doença e o impedem de se multiplicar e causar a doença no indivíduo já imunizado. Dessa forma, quando nosso organismo é atacado por um vírus ou bactéria, nosso sistema imunológico, que atua na defesa, dispara uma reação em cadeia com o objetivo de frear a ação desses agentes estranhos.

“As vacinas são extremamente importantes como mais uma forma de prevenção contra doenças para a população, por isso as pessoas devem se conscientizar da importância da vacinação para manter o bloqueio de doenças dentro do nosso território, impedindo o acesso de doenças e de suas complicações”, destaca o chefe da Seção de Imunização da SMS, Fernando Virgolino.

Saiba quais vacinas fazem parte do calendário nacional de vacinação:

BCG (Bacilo Calmette-Guerin) – (previne as formas graves de tuberculose, principalmente miliar e meníngea)

Hepatite B

Pentavalente (previne difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e meningite e infecções por HiB)

Vacina Inativada Poliomielite (VIP) (previne poliomielite ou paralisia infantil)

Vacina Oral Poliomielite (VOP) – (previne poliomielite ou paralisia infantil)

Pneumocócica 10 Valente (previne pneumonia, otite, meningite e outras doenças causadas pelo Pneumococo)

dTpa (Tríplice bacteriana acelular do tipo adulto) – previne difteria, tétano e coqueluche

DTP (Difteria, tétano e coqueluche)

Rotavírus (previne diarreia por rotavírus)

Meningocócica C (previne as meningite do soro tipo C)

Febre Amarela – dose única (previne a febre amarela)

Tríplice viral (previne sarampo, caxumba e rubéola)

Pneumocócica 23 Valente (previne pneumonia, otite, meningite e outras doenças causadas pelo Pneumococo)

Influenza – (previne contra a gripe e suas complicações)

Hepatite A 

Varicela atenuada (previne varicela/catapora)

HPV (previne o papiloma, vírus humano que causa cânceres e verrugas genitais)

Dupla Adulto (previne difteria e tétano)

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.