Por não pagamentos de benefícios, trabalhadores de terceirizada da Vivo paralisam atividades na Paraíba

Os trabalhadores da empresa TECNOMULTI, terceirizada da Telefônica/VIVO na Paraíba paralisaram suas atividades. De acordo com denúncias, formuladas ao SINTTEL-PB, eles estão sendo penalizados pela empresa TECNOMULTI por não vir cumprindo os pagamentos em dia no que se refere ao Vale Refeição, Produção, agregamento de veículos, férias, FGTS e horas extras.

De acordo com as reclamações dos trabalhadores, o Vale Refeição, que deveria entrar no inicio do mês ainda não foi depositado A Produção já está com atraso de dois meses, além do agregamento de veículos, que desde novembro não está sendo pago e, como consequência, os trabalhadores que estão com veículos alugados não conseguem pagar a prestação e as locadoras estão pedindo os carros de volta.

Outros agravantes

Os depósitos do FGTS, que não estão sendo efetuadoas pela empresa desde agosto de 2019, além das férias de 2020, que não foram recebidas pelos trabalhadores e as Horas Extras não estão sendo pagas, conforme Acordo Coletivo vigente.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.