Em Campina, Sintab anuncia “buzinaço” para cobrar da prefeitura cumprimento da DATA-BASE dos aposentados

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e Borborema (Sintab) por meio de comunicado vem mais uma vez a público, desta vez anunciar um ato público ‘buzinaço’ que irá promover nesta quinta-feira (06.08.2020), às 09h30, em frente ao Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Campina Grande – Ipsem, contra o não cumprimento do reajuste da DATA-BASE das APOSENTADAS E APOSENTADOS DO MAGISTÉRIO da cidade. Eles cobraram o descompromisso legal e moral da gestão do prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues (PSD) com o restabelecimento do direito das aposentadas e aposentados do magistério do município, garantido pela legislação.

Segundo a aposentada Zilda, o prefeito de Campina Grande, não cumpre o reajuste da DATA-BASE das APOSENTADAS E APOSENTADOS DO MAGISTÉRIO de Campina Grande, mesmo existindo uma Lei Federal (11738/2008) que garante o direito anual de reajuste em janeiro, muitas aposentadas e muitos aposentados da categoria denunciaram que não receberam o devido reajuste até o momento. Ela pede a participação de toda a imprensa e sociedade no ato público a ser realizado amanhã às 09h30, em frente ao Ipsem, localizado na R. Maria Viêira César, 135 – Jardim Tavares, Campina Grande – PB. Segue a nota de repúdio do Sintab abaixo e no link: https://sintab.org.br/sintab-emite-note-de-repudio-contra-o-nao-cumprimento-da-data-base-das-aposentadas-e-aposentados-do-magisterio-de-campina-grande/

 

 

SINTAB NOTA

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e Borborema (Sintab) vem mais uma vez a público, desta vez para repudiar o não cumprimento do reajuste da DATA-BASE das APOSENTADAS E APOSENTADOS DO MAGISTÉRIO de Campina Grande.

Mesmo existindo uma Lei Federal (11738/2008) que garante o direito anual de reajuste em janeiro, muitas aposentadas e muitos aposentados da categoria denunciaram que não receberam o devido reajuste até o momento.

Diante de mais uma demonstração de descompromisso legal e moral da gestão municipal, o Sintab cobra da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG), o restabelecimento do direito das aposentadas e aposentados do magistério do município, garantido pela legislação. Em tempo, a instituição informa que o setor jurídico já está preparando uma peça, para cobrar o cumprimento do reajuste na Justiça.

O piso nacional e a DATA-BASE foram garantidos por meio de muita luta, das trabalhadoras e trabalhadores do país, mas em Campina Grande, desde 2016 a categoria não tem DATA-BASE certa.

É revoltante e de causar indignação, que as PROFESSORAS E PROFESSORES APOSENTADOS(AS), depois de décadas ensinando e educando, sejam ignorados(as) e tratados(as) com indiferença e descaso pelo governo municipal. Reforçamos todo nosso repúdio a esse tipo de gestão.

O Sintab não vai parar de lutar, enquanto o direito à DATA-BASE das PROFESSORAS e PROFESSORES APOSENTADOS(AS) não for garantido. Para isso contamos com o apoio de toda população de Campina Grande, que reconhece o histórico serviço prestado por esses(as) educadores(as), hoje idosos(as) aposentados(as), mas com seus direitos negados.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.