Deputado sugere criação de auxílio emergencial e linha de crédito para feirante da Capital

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) solicitou ao prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo a criação de um auxílio emergencial e uma linha de crédito para feirante da Capital, com a finalidade de conter os impactos na economia ocasionados pelo coronavírus.  Os pedidos foram encaminhados em forma de Requerimentos ao chefe do Executivo Municipal e também ao secretário do Banco Cidadão, projeto de microcrédito orientado para os pequenos negócios de João Pessoa.

“O fechamento das feiras e mercados públicos tem trazido grandes prejuízos aos comerciantes que atuam nesses espaços. Compreendemos a necessidade de medidas sanitárias que possam barrar o avanço da pandemia da Covid-19, mas a Prefeitura precisa ter um planejamento para poder socorrer os comerciantes nesse momento de dificuldade, ofertando uma saída para que eles não entrem em um colapso econômico, com a falta do pão de cada dia em suas mesas” comentou o deputado.

No caso do auxílio emergencial, Eduardo explicou que a proposta é garantir uma renda mínima aos feirantes, pois muitos estão em situação vulnerável já que muitas de suas atividades econômicas foram gravemente afetadas pela crise.

Ao mesmo tempo, o deputado sugere que o Banco Cidadão possa oferecer uma linha de crédito especifica para atender a necessidade desse segmento, contribuindo assim, para amenizar as perdas e prejuízos desses meses. “Há comerciantes que além de ter problemas para se manterem, estão com débitos com fornecedores e outras dívidas, ou mesmo precisando de crédito para investir em ações alternativas”, justificou.

O deputado, que é presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa, defendeu ainda ações de planejamento por parte do Governo Municipal, para que possa oferecer alternativas para o setor e também agir preparando o setor produtivo para a reabertura e a retomada das atividades.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.