Campina Grande sedia Seminário Estadual de Combate ao Trabalho Infantil

A cidade de Campina Grande foi escolhida para sediar o Seminário Estadual: Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e o Enfrentamento ao Trabalho Infantil.

O seminário aconteceu no auditório do Instituto Federal da Paraíba em Campina Grande durante toda sexta (20), com a presença de autoridades e representações municipais da Paraíba e Rio Grande do Norte.

A abertura do evento coordenado pela Secretaria da Assistência Social de Campina Grande teve a participação inicial da Banda Marcial do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

A banda é formada por crianças e adolescentes, usuários do serviço, mantido pela Prefeitura de Campina Grande e tem a Regência de Moab Brito.

A Coordenadora do Fórum Estadual de Erradicação do Trabalho Infantil, Maria Sinharinha, abriu o evento dizendo que quer ampliar a participação das entidades.

Adelma Simplício dos Santos, Coordenadora das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação Infantil da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano, destacou que “os direitos da criança estão sendo tirados nessa conjuntura”.

O Procurador Federal do Trabalho Raulino Maracajá destacou em sua fala o trabalho que vem sendo feito pela Assistência Social em Campina Grande com o apoio do Ministério Público Federal do Trabalho. “O trabalho é fantástico”, disse o procurador se referindo ao que vem sendo desenvolvido pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da SEMAS.

Já Uelma Alexandre, Diretora da Proteção Especial da SEMAS, representou a Secretária Eva Gouveia e destacou que apesar das dificuldades a Assistência Social tem recebido total atenção em Campina Grande graças a sensibilidade do Prefeito Romero Rodrigues.

Representando os adolescentes do estado da Paraíba estavam na mesa de honra o Jackson David do NUCA de Pombal e o Jony do REMAR de João Pessoa, que falaram sobre o combate ao trabalho infantil através de um RAP.

Durante todo o dia foram realizadas palestras e debates sobre o enfrentamento do trabalho infantil, exploração sexual de crianças e adolescentes, como também a troca de experiências entre os municípios.

O grande destaque foi a Ação Intersetorial que é realizada no período do Maior São João do Mundo em Campina Grande e que ganhou destaque nacional e internacional por parte da OIT.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.