Por determinação da Justiça, Câmara de Bayeux tem 30 dias para realizar eleições indiretas e eleger novo prefeito

A Justiça da Paraíba determinou que o presidente interino da Câmara Municipal de Bayeux, Inaldo Andrade, realize eleições indiretas para os cargos de prefeito e vice-prefeito no prazo de até 30 dias. A decisão foi concedida nesta segunda-feira (20) pelo juiz Francisco Antunes, da 4ª Vara Mista de Bayeux do Tribunal do estado.

A medida foi tomada por causa da renúncia do ex-prefeito de Bayeux, Berg Lima, que aconteceu no último dia 14 de julho. “A gente fez uma reflexão e para a paz política no município de Bayeux, depois de tantos momentos de perseguição no âmbito político e pessoal, eu tomei essa decisão”, declarou o ex-gestor.

Ao Jornal da Paraíba, Inaldo Andrade disse que o processo já foi aberto, com solicitações encaminhadas ao cartório eleitoral de Bayeux e ao Ministério Público. De acordo com o parlamentar, o processo eleitoral precisa acontecer até o dia 14 de agosto, data em que o pedido de renúncia de Berg completa 30 dias.

Caso o vereador não cumpra a determinação, uma apuração sobre a suspeita de crime de desobediência pode ser aberta.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.