Ministério da Economia convida Governo da Paraíba para compartilhar método BIM implementado na Suplan

O Governo da Paraíba, por meio da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), foi convidado pelo Departamento de Transferências da União, da Secretaria de Gestão, do Ministério da Economia, para contribuir com a produção de conteúdo sobre BIM (Building Information Modeling). Os resultados da implementação da tecnologia no Estado farão parte do portfólio de material didático que será divulgado e produzido em âmbito nacional. A Paraíba é um dos primeiros Estados brasileiros com projetos em BIM em andamento. A tecnologia BIM, que otimiza produção e reduz custo de obras em projetos com maquetes virtuais, já é realidade na Paraíba desde agosto de 2019, a partir da criação da gerência BIM na Suplan.

“O Governo tem feito grandes investimentos em pesquisa e tecnologia, o que tem nos trazido grandes resultados, como a otimização de trabalho, eficiência e economia. A plataforma BIM é um instrumento muito importante para a Paraíba, pois está sendo aplicada em grandes obras que serão iniciadas em breve e que irão resultar em mais desenvolvimento para várias regiões do Estado. Eu fico muito satisfeito de constatar que tantas ações implantadas na nossa gestão têm recebido reconhecimentos nacionais e parabenizo toda a equipe envolvida nesse processo”, destacou o governador João Azevêdo.

A engenheira Simone Guimarães delegou o engenheiro Rodrigues Lopes para o cargo, e em menos de 1 ano de implementação, a Paraíba é destaque nacional. “Com a autorização do governador João Azevêdo, avançamos com a implantação de metodologia de Informação da Construção Civil no estado da Paraíba. A criação da gerência garantiu a elaboração e aprovação rápida de projetos, a exemplo do Novo Aeroporto de Patos. A análise do projeto na Paraíba se deu através da plataforma BIM. Esse convite do Ministério da Economia é a reafirmação que estamos no caminho certo, avançando e investindo na qualidade das nossas obras públicas”, destacou a engenheira Simone Guimarães, diretora – superintendente da Suplan.

O convite foi recebido no dia 2 de julho e a justificativa considera “a relevante atuação da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento da Paraíba por intermédio de sua Gerência Especial, sobre Building Information Modeling (BIM), e o notório conhecimento técnico”, conforme diz o documento. O objetivo, segundo o Ministério da Economia, é ampliar materiais sobre o tema. O convite ainda destaca que “a Plataforma está em constante evolução, graças ao trabalho conjunto dos membros da Rede +Brasil, da qual o Estado da Paraíba faz parte e é bem atuante, uma vez que atuam com sugestões de melhorias e modernização dos processos”.

O gerente BIM da Suplan, Rodrigues Lopes, explica como se dará a contribuição do Governo da Paraíba nessa parceria. “Será um pacote de apresentações, com temas diversos. De forma gradativa, vamos falar sobre documentos oficiais, cases de sucessos, projetos e resultados do trabalho em BIM, e isso pra todo o Brasil”, disse. O engenheiro ainda agradeceu ao governador da Paraíba e a Simone Guimarães pela confiança. “Fui estagiário da Suplan, fui contratado, e agora fico feliz por estar à frente da produção desse material, não só para o Ministério da Economia, mas para o Governo do Estado. Os avanços na tecnologia só foram possíveis graças à implementação do BIM na Paraíba”, disse.

Plataforma BIM – A tecnologia é o novo conceito quando se trata de projetos para construções que trabalha com maquetes virtuais. O método BIM integra todas as fases da construção civil – que vai desde a planta arquitetônica, orçamento, fiscalização, até a entrega final da obra, otimizando o trabalho de todo o sistema produtivo. Os projetos pilotos em andamento na Paraíba, que farão parte do acervo nacional, são: o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) de João Pessoa, Campina Grande e Patos; o Centro de Convenções de Campina Grande; o Aeroporto de Patos; o futuro Hospital da Mulher da Paraíba (Obra do Hospital do Frei Damião), além de documentos oficiais no segmento em BIM,  dentre outros projetos e obras elaborados pelo Governo do Estado.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.