Em João Pessoa, prefeitura fecha semana com diversas ações de prevenção e monitoramento de casos da Covid-19

Implantação de uma imensa rede de proteção sanitária, a convocação de quase 400 profissionais da saúde, além da limpeza e desinfecção de espaços públicos. Estas são as principais ações de enfrentamento a Covid-19 realizadas ao longo desta semana pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), que figura como a mais transparente entre as 27 capitais do Brasil na divulgação dos contratos emergenciais feitos durante a pandemia do novo Coronavírus.

O ranking inédito realizado pela ONG Transparência Internacional avaliou sites, redes sociais e portais da transparência de todos os governos dos 26 estados e Distrito Federal e das 27 capitais. Na primeira colocação, João Pessoa obteve nota 88,61, seguida de Goiânia com 83,54, as duas únicas capitais com avaliação classificada como ótima. Os dados revelam que João Pessoa é a que melhor divulga informações que contribuem para a fiscalização da boa aplicação dos recursos públicos.

As ações da Prefeitura de João Pessoa no combate a Covid-19, além de transparentes, muitas vezes são colocadas em prática de forma conjunta entre várias secretarias, como a ‘Operação Proteção’, com o objetivo de fortalecer o isolamento social nos bairros da cidade. A medida teve início na última quinta-feira (21), no Bairro das Indústrias e Jardim Veneza, e se estende nesses bairros até este sábado (23), com a implantação de barreiras sanitárias, medição de temperatura de transeuntes, testes rápidos de Covid-19, fiscalização do comércio, além de desinfecção de ruas e avenidas.

“Hoje, na Paraíba, são mais de cinco mil casos, em João Pessoa mais de mil, e a gente sabe que ainda não existe vacina, por isso que o melhor tratamento é o isolamento social”, disse o secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Zennedy Bezerra, justificando o início da operação no Bairro das Indústrias e Jardim Veneza – ambos com baixas taxas de isolamento social. “Esse é nosso critério. Vamos avaliar o próximo levantamento antes de decidir qual será o próximo bairro a receber a Operação, a partir da próxima semana”, concluiu.

Além da Operação Proteção, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) segue com a força-tarefa de limpeza, desinfecção e higienização, que acontece simultaneamente em mercados, praças, parques, ruas e avenidas da Capital. Já as fiscalizações de cumprimento do decreto municipal, no comercio e em serviços, vem sendo realizado pelas secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Planejamento (Seplan), Mobilidade Urbana (Semob), Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Vigilância Sanitária, Procon-JP e Procuradoria-Geral do Município (Progem).

Reforço na Saúde – Muito em breve o combate a Covid-19 irá ganhar o reforço de 370 profissionais de saúde, entre assistentes sociais, biomédicos, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, técnicos em laboratório de análise clínica, técnicos em enfermagem, agentes administrativos, auxiliares de farmácia, condutores de ambulância, auxiliares de serviços gerais e maqueiros. Eles foram aprovados no primeiro processo seletivo para provimento de cargos temporários no tratamento de pacientes infectados pela Covid-19. Ao todo, a PMJP já realizou o chamamento de 1.227 profissionais. São 1.105 classificados na primeira seleção e 122 na segunda, exclusiva para médicos

Teleatendimento – E claro que a luta contra a Covid-19 precisa da participação da população que, ficando em casa, pode evitar a contaminação e disseminação da doença. Em caso de dúvidas e orientações dobre sintomas da Covid-19 a população da Capital pode acessar o aplicativo ‘Monitora Covid-19’, desenvolvido pelo Comitê Científico do Consórcio Nordeste, que amplia o serviço de teleatendimento da rede municipal de saúde, já ofertado pela Central de Orientações, por meio do número 3218-9214.

O aplicativo funciona como uma sala de situação e permite o monitoramento de casos confirmados, suspeitos e em isolamento domiciliar de forma mais eficaz e dinâmica. O sistema já possui versões para IOS e Android e, para baixá-lo, basta digitar “Monitora Covid-19” na loja de aplicativos do celular.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.