O GOSTO AMARGO DO VENENO – leia o novo artigo de Marcos Thomaz

O empresário brasileiro de origem chinesa, Winston Ling apresentou Bolsonaro a Paulo Guedes.

O bem sucedido brazuca-oriental foi um dos primeiros grandes empresários a apostar no nome do, então deputado, a presidência!

Há poucos dias, logo após o atrito entre Eduardo Bolsonaro e o governo chinês ele criticou o filho do presidente, como todo o mundo fez…

Em retaliação, milicianos, digo militantes bolsonaristas, aproveitaram a morte do pai de Ling, o chinês Sheun Ming Ling, para desferir uma enxurrada de mensagens xenófobas, agressivas em pleno período de luto daquele que foi um dos pioneiros da soja no Brasil …

De imediato o empresário Ling foi as redes sociais e disse que “o bolsonarismo não vai sobreviver se não expelir estes animais”!

Ora, ora o Bolsonaro e o bolsonarismo é animalesco, selvagem, bárbaro por essência e princípio!!

Você só não viu isso, porque não te atingia e, como todo magnata de negócios, o que te interessava era o fato de Bolsonaro representar o elo viável para implantação da agenda econômica entreguista, liberal, chamem do que quiser…  isso bastava e justificaria tudo, afinal, como você adorava espalhar aos quatro cantos: o Posto Ipiranga, digo “Paulo Guedes levará o Brasil a ser uma nova China”.

O resto, a toxidade, ou como você mesmo disse “a onda de racismo que varre o Brasil” era irrelevante na comparação aos seus interesses!

Você sempre soube de tudo.

Você e todos os artífices do “golpe” no povo brasileiro!

Agora, assim como outros cúmplices desta patifaria (boa parte da imprensa, inclusive), você chora por ter sentido na pele a vilania e voracidade destes vermes!!

Como ser civilizado e dotado de humanidade, me solidarizo a indignação contra o ataque a memória do seu pai, senhor Ling.

Mas você é parceiro desta tenebrosa jornada brasileira. Assuma seu posto!!

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.