GAECO, A PARAÍBA CONFIA NO SEU TRABALHO – infelizmente o que os paraibanos pôde acompanhar na sessão do STJ da última terça-feira (18), foi o que a velha máxima da realidade brasileira prevalece: “só preto e pobre são presos”. Após os ministros da corte, por um placar elástico, manter o habeas corpus de Ricardo Coutinho, e consequentemente a liberdade do ex-governador, essa máxima mais do que nunca prevaleceu. Coutinho é apontado pelo GAECO do MPPB, nos altos da Operação Calvário, como o chefe de uma organização criminosa em seus governos, que resultou no desvio em mais de R$ 130 milhões dos cofres públicos e, com provas robustas e delações contra o ex-gestor; mas, nada disso foi levado em conta pelos ministros do STJ que não conhece nem de perto, a realidade social e política da Paraíba. Mas uma coisa é certa, GAECO, a Paraíba confia no seu trabalho e o povo sabe que logo mais, novas provas serão apresentadas. #GAECOPARAIBA #OPERAÇAOCALVARIO #SOSPARAIBA

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.