CALVÁRIO: todos os colaboradores dizem ao GAECO ter medo de Coriolano e teme por suas vidas; veja

Um trecho do relatório do Ministério Público da Paraíba sobre a operação Calvário aponta que a maioria dos acusados e colaboradores por delação premiada teriam medo, até mesmo pela própria vida, de Coriolano Coutinho, irmão do ex-governador Ricardo Coutinho.

No documento, o MP relata que Coriolano é acusado de diversos atos de violência, além do “domínio que ele exerce sobre as forças policiais e de segurança clandestina que permeia o ramo de atividades do acusado”.

Segundo o relatório da Calvário, além de ser um dos principais responsáveis pela coleta de propinas destinadas ao ex-governador, Coriolano circulava nas estruturas do Governo para “advogar interesses da organização criminosa junto aos integrantes do alto escalão”.

Veja:

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.