Extremo Oriental: PMJP avança com ações de intervenção para continuidade das obras de drenagem da Barreira do Cabo Branco

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) prossegue com as ações de intervenção para dar continuidade às obras de drenagem da Barreira do Cabo Branco, considerada a intervenção mais importante na área, uma vez que vai reduzir o impacto das águas das chuvas na falésia. Nesta quarta (13), após anúncio da liberação de recursos para execução do projeto desenvolvido pela (PMJP) para a proteção do ponto mais Oriental das Américas, a Defesa Civil está remanejando as famílias das áreas de intervenção no Altiplano, para dar continuidade às ações de drenagem.

A construção da rede de drenagem consiste na implantação de 10 novos trechos, que irão integrar a nova rede há já existente no entorno dos bairros Altiplano e Seixas. Com a nova rede, os lançamentos das águas pluviais irão ocorrer em dois pontos de emissão, que serão reforçados para receber a nova rede nas praias do Seixas e Cabo Branco.

A drenagem da barreira está sendo executada com recursos próprios do Município e teve seu projeto integralmente aprovado pelo Governo Federal. Essa é uma intervenção histórica na região, do ponto de vista histórico, turístico e, principalmente, ambiental, que aguardava essa liberação para dar início às obras da segunda fase.

Etapas – Após a drenagem, realizada com o objetivo de disciplinar o escoamento das águas pluviais e reduzir a consequente erosão, o projeto é composto por mais duas etapas. A segunda será o enrocamento, ou seja, a colocação de rochas no sopé da barreira para evitar que o mar atinja e continue provocando sua erosão e a engorda da área de praia. Para esta fase, a Prefeitura já realizou a licitação e contrato. Por último, a terceira fase consiste na construção de gabiões marinhos intercalados com a linha de corais existentes.

Drenagem – A construção da rede de drenagem consiste na implantação de 10 novos trechos de drenagem, que irão integrar a nova rede à já existente no entorno dos bairros Altiplano e Seixas. Essa intervenção disciplina o curso da água das chuvas até a praia, reduzindo o impacto já que o lançamento das águas pluviais vai ocorrer em dois pontos de emissão, que estão sendo reforçados para receber a nova rede nas praias do Seixas e do Cabo Branco. A área total de contribuição da rede de drenagem equivale a 173 hectares. Nos trechos finais da rede de drenagem, as manilhas de 400 de diâmetro foram substituídas por novas manilhas de 1500 de diâmetro, medida que aumentará em quatro vezes o escoamento das águas pluviais.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.