Na assembleia, deputados comemoram Dia dos Professores e parabenizam profissionais da Creche e Escola Legislativa

Os deputados estaduais comemoraram o Dia dos Professores, durante sessão ordinária realizada nesta terça-feira (15), na Assembleia Legislativa da Paraíba. O presidente Adriano Galdino destacou a importância da categoria para a educação de cidadãos, assim como para a formação dos profissionais de outras categorias.

Adriano Galdino lembrou o quão especial é a profissão de professor e ressaltou o trabalho desenvolvido pelos profissionais da Creche e da Escola Legislativa. Galdino também parabenizou o empenho e a dedicação dos professores das redes estadual, municipais e privada. “Os professores são responsáveis pela transformação de vidas e da sociedade na qual estamos inseridos. São os professores com suas capacidades de dividir conhecimentos e de forma bem os nossos jovens, que serão os comandantes desse Brasil e a cada dia constroem conosco um país melhor para todos nós”, declarou.

O deputado Wilson Filho disse que é dever do Poder Legislativo defender os professores diariamente, pois, para que cada cidadão almeje a profissão de médico, advogado, ou qualquer outra, precisa adquirir seus conhecimentos com um educador. “Deputados ou não deputados, médicos, engenheiros, advogados, astronautas, todos precisaram de um bom conselho, no momento certo, de um educador, de um professor para chegarmos ao nosso objetivo”, afirmou. Wilson Filho, porém, destacou que ao mesmo tempo em que educar torna-se uma profissão divina é pouco valorizada e merece ser reconhecida e ter o respeito de todas as demais categorias.

Professor e ex-diretor do Colégio Lyceu Paraibano, o deputado Edmilson Soares argumentou que a missão de ensinar é sublime, porém difícil e espinhosa. O deputado relembrou o tempo que lecionava e cobrou reconhecimento por parte do poder público aos profissionais do magistério na Paraíba. Edmilson reivindicou a implantação do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR) e pontuou que a falta de reconhecimento para com os professores impede maiores comemorações. “O magistério está sofrido e não tem muito o que comemorar e busca o apoio para o seu PCCR. Vamos lutar, junto com a categoria”, disseo deputado.

ORDEM DO DIA

Durante a apreciação da Ordem do Dia, os deputados aprovaram o Projeto de Lei 224/2019, de autoria do deputado Adriano Galdino, que assegura aos transplantados e aos doadores, cujo órgão ou tecido tenha sido retirado em vida, a gratuidade em eventos de esporte, cultura, lazer e entretenimento no estado.

“É preciso que a sociedade se conscientize cada vez mais da importância deste gesto humanitário. O sentido de propor o livre acesso aos eventos culturais e esportivos para essas pessoas é o de proporcionar um pouco de entretenimento, alegria, além de incentivar a prática desta atitude de amor”, justificou Galdino.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.