João Azevêdo faz visita técnica às obras de construção de 960 unidades habitacionais no Bairro das Indústrias

O governador João Azevêdo realizou, nesta terça-feira (26), uma visita técnica às obras de construção do Residencial Canaã I e II, localizado no Bairro das Indústrias, em João Pessoa. As 960 unidades habitacionais serão destinadas a famílias com renda mensal bruta inferior a R$ 1.800,00 e estão recebendo investimentos superiores a R$ 82,5 milhões, oriundos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), mais a contrapartida do Estado.

 

Acompanharam o governador na visita às obras, o secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga, a presidente da Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap), Emília Correia Lima, e o chefe de Gabinete, Ronaldo Guerra.

 

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual destacou que o Residencial Canaã é o maior empreendimento em execução na Capital paraibana e deverá ser entregue até o final de 2020.  “Serão 960 unidades habitacionais, com mais de R$ 10 milhões de contrapartida do Governo do Estado porque vamos construir escola, unidade de saúde e a infraestrutura também será uma contrapartida nossa. Essa é uma obra importante para a cidade e, somada ao Residencial São Rafael, o governo entregará mais de 1.700 unidades habitacionais somente no Bairro das Indústrias”, enfatizou.

 

João Azevêdo também ressaltou a importância de garantir a casa própria à população. “A habitação traz segurança para as famílias e a construção de um conjunto habitacional visa diminuir o déficit na área. A casa representa segurança, o lugar de apoio e o ponto de referência de todo cidadão”, reforçou.

 

O secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga, afirmou que a gestão estadual está atendendo uma das principais demandas do povo paraibano. “É uma alegria muito grande visitar uma obra tão importante como essa. O governador João Azevêdo fez essa visita técnica para conhecer a metodologia da construção; todo o processo construtivo é feito de concreto e as habitações serão entregues em breve à população”, declarou.

 

A presidente da Cehap, Emília Correia Lima, evidenciou a preocupação do governo para garantir habitações de qualidade para a população do Bairro das Indústrias.  “O governo lutou bastante para conseguir os recursos para o Residencial.  Essa obra começou em janeiro, o ritmo dela está acelerado e a primeira parte já começou a ser concretada. Nós sabemos que a importância da habitação é dar cidadania e dignidade às pessoas”, falou.

 

Das 960 unidades habitacionais, 30 serão adaptadas e as demais serão adaptáveis aos itens de acessibilidade vigentes nas normas brasileiras e normativas do Programa Minha Casa Minha Vida. Os apartamentos serão compostos por dois quartos, sala, cozinha, área de serviço e banheiro, numa área de 43,71 m². O empreendimento ainda oferecerá  480 vagas de garagem de uso comum, sendo 30 para pessoas com deficiência.

 

A infraestrutura básica do residencial irá contemplar: rede de abastecimento d’água, rede de esgotamento sanitário, rede de energia elétrica, drenagem de águas pluviais e pavimentação em paralelepípedo, além de salão comunitário, playground e quadra poliesportiva.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.