Vereador rompe com oposição cordeirense e declara apoio ao prefeito Jeferson Roberto

O vereador de São José dos Cordeiros, Niédson José Brito Siqueira, eleito nas eleições de 2016 pelo grupo de oposição, durante a sessão na Câmara de Vereadores de São José dos Cordeiros, realizada na manhã desta terça-feira, dia 18, leu uma Carta aberta aos cordeirenses falando de suas ações de do rompimento com o grupo de oposição.

Na carta, Niédson destacou seu esforço em fazer um mandato diferente e por ser diferente é que a partir agora iria fazer parte do grupo do atual prefeito Jeferson Roberto.

Ainda na Carta, o parlamentar declarou apoio ao candidato a governador João Azevedo e ao deputado Trocoli Júnior.

Veja abaixo, a carta na integra lida pelo parlamentar.

CARTA ABERTA AOS CORDEIRENSES!

Chegamos aos 20 meses de mandato. Olho pra trás e vejo o quanto avançamos em importantes temas sociais. Com muita coragem fizemos do diálogo um forte instrumento na implementação de Políticas Públicas.

Ao longo desses 20 meses, implementamos 8 programas sociais voltados ao fortalecimento da renda familiar; contribuímos e vamos contribuir ainda mais com os sonhos dos jovens que buscam uma qualificação no mercado de trabalho.

Estamos avançando no programa de assistência as famílias de baixa renda, onde ao término do mandato estaremos apoiando mais de 50 famílias. Nessa caminhada encontrei importantes parceiros como o PAP, o CEC, o Deputado Trócolli Junior, que tanto têm me ajudado com exames, cirurgias e internações.

A gente só sabe o valor de um amigo nas horas difíceis. Como retribuição a esse amigo e atendendo o seu pedido, informo a todos que o meu candidato a governador é João Azevedo. Ricardo tem sido um importante parceiro e acredito que João dará continuidade a esse trabalho.

Também no dia de hoje tenho a necessidade de comunicar a essa casa, que estou saindo da oposição do município e a partir de hoje faço parte da atual gestão municipal. Essa decisão já vem sido refletida há meses.

Estou insatisfeito com o tratamento que estou tendo pelo grupo de oposição. Não vou me aprofundar em relação as minhas insatisfações. Tenho prestado um relevante serviço ao município e a forma como faço Política é respeitando todo mundo.

Desde o início do meu mandato tenho buscado o diálogo com a gestão. Não visando benefício próprio, mas buscando o entendimento diante das necessidades da população.

Fiz até hoje uma oposição com decência; tenho importantes ações sociais, nunca vistas antes no município. Com muito respeito e ética estou comunicando nesse momento a minha saída da oposição em um momento decisivo para o município.

As minhas insatisfações no campo da oposição serão preservadas, é algo particular que não vale a pena ser exposto.  Entendo que tudo que aconteceu que me levou a tomar tal decisão me servirá se experiência. Deixo bem claro que

Combato o oportunismo e a politicagem; entendo que hoje represento toda uma sociedade e não uma parte dela. Não admito a falta de respeito; entendo que na política temos que ter objetividade nas nossas ações.

Desde a minha posse eu tenho colocado o meu mandato a disposição da sociedade; tenho tentado atender dentro da normalidade as demandas e as necessidades da população.

Pra mim, não existe essa de priorizar A ou B, o meu compromisso é com todos!

Os votos que recebi no último pleito eleitoral representa um projeto, onde cada eleitor contribuiu com o seu voto. Muitos vestiram a camisa e com muita humildade reconheço o papel de cada um nesse processo. Sempre estarei pronto para atender a esses amigos, independente de política.

Não posso como alguns queriam, priorizar as ajudas; hoje tenho despesas com os projetos sociais; são trabalhos importantes que tiro do próprio bolso para fazer acontecer. Mantenho o aluguel de um prédio que está disponível a população de baixa renda, todos os meses, atendo a população com exames e medicamentos; tenho um cronograma de ações sociais ao longo do ano; mantenho visitas as associações, tenho implantado importantes parcerias para o avanço da educação do município.

São ações concretas e contínuas que eu acredito que esteja dentro do nosso projeto inicial. O sentimento que tenho hoje é que se eu não rezo a cartilha da velha política, então tenho que cair fora. E eu estou saindo com a mesma dignidade que entrei. Mas com uma grande diferença, vou sair da oposição com serviços prestados, onde o meu trabalho me dar o direito de entrar com dignidade na casa de um cordeirense sem medo de ser questionado, porque eu fiz e estou fazendo e isso é fato que ninguém pode ofuscar!

Niédson José Brito Siqueira

Vereador de São José dos Cordeiros

você pode gostar também Mais do autor