“Governo não enxerga as próprias falhas”, diz Lucélio sobre insegurança na Paraíba

Lucélio Cartaxo, candidato ao Governo do Estado pelo PV, participou, na tarde desta segunda-feira (10), de uma rodada de entrevistas no Sistema Arapuan de Comunicação. Na ocasião, o candidato criticou aquilo que chamou de ineficiência do Estado em solucionar os problemas com a segurança pública na Paraíba e defendeu investimentos robustos que tragam paz e tranquilidade aos paraibanos e paraibanas de todas as regiões.

“O discurso do Governo, em relação à segurança pública, não condiz com a realidade sentida pela população. Hoje, ao invés de assumir a situação estarrecedora em que está a segurança dos paraibanos, a gestão estadual apresenta números e mais números que simplesmente não condizem com a realidade. O governo não enxerga as próprias falhas e por isso não consegue solucionar os problemas”, disse.

Lucélio Cartaxo se solidarizou aos policias e agentes penitenciários do PB1, que na madrugada desta segunda-feira (10) sofreram ataques com armas de fogo e explosivos, em que mais de 100 apenados fugiram. “É um presídio de segurança máxima, mas a arma utilizada pelos agentes é um modelo utilizado na segunda guerra mundial. Antiga e com tempo de resposta lento. Como estes profissionais poderiam combater um ataque deste, se não têm estrutura para isso?”, questionou.

O candidato do PV reforçou ainda a necessidade de novas óticas no investimento em segurança pública do Estado. “Este foi um ataque aos paraibanos e paraibanas. Nos entristece, porque mostra a ineficiência do Estado em combater um problema que estava anunciado há muito tempo. As pessoas têm medo de andar nas ruas, de abrir seus negócios, de viver. Nós queremos melhorar a vida dos paraibanos e paraibanas, reconhecer os problemas e investir numa segurança que tenha eficiência”, disse.

você pode gostar também Mais do autor