Em protesto, MST interdita BRs 101 e 230 na Paraíba

Manifestantes do Movimento Sem Terra (MST) interditam desde as primeiras horas da manhã trechos das rodovias federais BRs 101 e 230 nas proximidades de Pedras de Fogo-PB.

Na BR-101 a interdição acontece em Alhandra, na Grande João Pessoa.  De acordo com Polícia Rodoviária Federal (PRF), a interdição total ocorreu por volta das 6h54, quando a via foi tomada por cerca de 20 manifestantes. Às 09:58, a PRF atualizou o número de manifestantes. Aumentou para cerca de 80 pessoas.

Já na BR-230 a interdição acontece no trecho que dá acesso à cidade de Pedras de Fogo, em Cruz do Espírito Santo, na Zona da Mata paraibana. A PRF estima cerca de 100 militantes do movimento no local.

Em nota oficial, o movimento explicou que o protesto acontece, pois as 600 famílias da ocupação Arcanjo Berlaminio e outros integrantes do MST depois de receberem um mandado de reintegração de posse.

Confira a nota:

O trancamento exige do poder público, em especial ao INCRA , a secretaria de Direitos Humanos e a Policia Militar do estado uma audiência sobre o caso.

A ocupação Arcanjo Berlaminio, em Pedras de Fogo-PB, completou 1 ano em julho e já se tornou uma área produtiva da luta pela reforma agrária.

O MST denuncia a falta de responsabilidade do Estado com as famílias que já residem no local e transformaram a Fazenda improdutiva em 1500 hectares de plantio das mais diversas culturas.

O Incra, foi solicitado para fazer a vistoria diversas vezes, mais uma vez parece consentir com as estrategias violentas do poder privado.

Os bloqueios são em Alhandra, na BR 101, km 109 e Cruz do Espírito Santo, na BR 230, km 53.

Equipes da PRF já estão em deslocamento.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.