Prefeitura de Campina Grande divulga nota repudiando notícias falsas envolvendo o prefeito Romero

A Prefeitura Municipal de Campina Grande (CMCG) divulgou uma nota repudiando uma matéria postada pelo portal de notícias Polêmica Paraíba, na qual de uma certa forma, induz os leitores com uma falsa informação de que o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) poderia vir a ser condenado por praticas que poderiam levar o seu afastamento do cargo.

Abaixo a nota na íntegra.

 

NOTA

 

A Prefeitura de Campina Grande vem publicamente repudiar a produção e divulgação de uma matéria, pelo site Polêmica Paraíba, nesta quarta-feira 15, intitulada “O próximo a cair? Envolvimento irregular com a Real Energy já derrubou dois prefeitos e coloca Romero Rodrigues na mira do GAECO”, com flagrante teor de mentiras e ilações, e marcada pela condenável prática da difamação, do jornalismo canhestro a serviço de grupos políticos e sem o zelo sequer pelos cuidados mínimos e rudimentares da apuração dos fatos.

    Não é sem razão que este caso local de “fake news” passa a ser alvo de uma ação judicial, nas esferas cível e criminal, promovida pela Prefeitura de Campina Grande. A dignidade institucional do Prefeito Romero Rodrigues e de sua gestão não permitirá, jamais, que os detratores, promotores da desinformação, calúnia e difamação sistemáticas sigam impunes, enquanto existirem o Poder Judiciário e as leis como guaridas.

    Para que fique bem claro, desafiando-se a quem quer que seja a provar em contrário:

    – A Prefeitura de Campina Grande, na atual gestão, JAMAIS contratou os serviços da Empresa Real Energy, que está sendo alvo de investigações pelo Ministério Público Estadual. Muito pelo contrário. A Real Energy nunca se classificou em quaisquer licitações promovidas pela PMCG, desde 2013, até a presente data.

– A Real Energy, de fato, participou da disputa licitatória em várias oportunidades, nas concorrências de obras de secretarias municipais de Campina Grande, até porque não estava incluída na lista de firmas inidôneas, mas NUNCA chegou a vencer os certames locais, não tendo naturalmente qualquer contrato celebrado com o Município. O documento que consta na matéria apenas evidencia a condição da citada empresa de participante da concorrência.

– A informação, portanto, de que a Prefeitura teria pago serviços na ordem de R$ 4 milhões para a Real Energy é totalmente improcedente e, caso não seja movida por lamentável motivação política da linha editorial do site, reflete o desleixo na apuração pura e simples dos processos administrativos mais básicos, por parte do Polêmica Paraíba.

– Para reforçar ainda mais o papel vexatório desse site na produção e divulgação de um conteúdo repleto de falhas graves, sabe-se já que até mesmo a foto utilizada inicialmente na matéria não tinha qualquer correspondência com a empresa Real Energy e, sim, com a Energy Eletricidade Ltda., de propriedade do empresário Luiz Alberto Leite e que não trabalha para o Município, nem para o Estado e sequer tem contrato de iluminação pública com nenhuma prefeitura do Brasil, limitando-se sua atuação a grandes obras de distribuição de energia eólica e construção de usinas de energia solar.

A Energy Eletricidade Ltda. já anunciou: também está recorrendo à Justiça para sanar, cível e criminalmente, todos os danos causados à sua imagem nessa barbeiragem jornalística descomunal.

Voltando a lamentar que esse tipo de jornalismo continue a ser praticado no Estado, servindo de conteúdo tóxico e matéria prima para a propagação de mentiras e ilações pelas redes sociais e canais diversos, a Prefeitura de Campina Grande na atual gestão reafirma publicamente seu compromisso com a ética, a transparência e o total respeito na aplicação dos recursos públicos.

 

Campina Grande, 16 de agosto de 2018.

 

GABINETE DO PREFEITO

você pode gostar também Mais do autor