Paraíba gera saldo positivo de empregos pelo quarto mês consecutivo

Com o saldo de quase dois mil postos criados em setembro (1.975), a Paraíba registrou o quarto mês consecutivo de empregos formais, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (19) pelo Ministério do Trabalho. Foram admitidos 10.252, contra 8.277 desligamentos. Os dados da série histórica mostram setembro como o melhor saldo dos últimos três anos. A Paraíba ficou entre os oito estados de maior volume de empregos no país.

 

Os setores da indústria de transformação (1.259) e a agropecuária (771), ligados ao setor sucroalcooleiro, puxaram a alta na geração de postos de trabalho em setembro, além do comércio (207), enquanto serviços (-104) e construção civil (-175) apresentaram baixas no emprego formal.

 

Cenário regional – O Nordeste voltou a liderar a criação de vagas no mês de setembro, assim como em agosto. Quase 85% do saldo de emprego do país (29.644 vagas) vieram de sete dos nove Estados da Região. Apenas Sergipe e Maranhão tiveram registro negativo, enquanto Pernambuco liderou o saldo no país com 13.992 postos. Bem mais modesta, a segunda região com saldo mais positivo foi a Região Sul com 10.534 vagas, seguida da região Norte (5.349). As outras duas regiões Sudeste (-8.997) e Centro-Oeste (-2.148) tiveram baixas no saldo. O país no mês de setembro registrou saldo de 34.392 postos com carteira assinada. Entre as 27 unidades federativas, 20 tiveram saldo positivo.

você pode gostar também Mais do autor