OUÇA: Cássio critica Romero e revela reunião no PSDB para resolver queixas internas

O senador Cássio Cunha Lima cobrou uma reunião do PSDB para debater as divergências internas dentro da legenda. A cobrança foi feita nesta segunda-feira (27), durante o velório do Arcebispo Emérito da Paraíba, Dom Marcelo Cavalheira. O líder tucano na Paraíba também não gostou nenhum pouco das declarações do prefeito campinense, Romero Rodrigues, ao exigir que o partido tenha candidatura própria em 2018.

O senador Cássio disse que vai pedir uma convocação da reunião e mandou um recado para Romero: “Não tenho mais idade de ficar levando carão público”, disse Cássio, que ainda deixou claro não existir crise no PSDB e sim, a necessidade de resolver problemas internos sem expor à imprensa.

“O tom do prefeito Romero Rodrigues foi um pouco elevado, a carapuça não me cabe de forma nenhuma, até porque não tenho mais idade de ficar levando carão público. Temos hoje a necessidade de uma conversa no partido para dirimir qualquer dúvida e preservar aquilo que sempre nos uniu, que é o desejo de uma Paraíba melhor”, explicou.

O tucano destacou que seus 30 anos de mandato lhe ensinaram que é preciso estar vacinado contra intrigas e que divergência se resolve conversando. Ele garantiu, no entanto, que não há crise no partido, que as insatisfações são compreensíveis, mas que devem ser resolvidas internamente.

“Não há crise. Há a necessidade de se resolver uns problemas internos, que não seja através da imprensa. A imprensa tem um papel importante, mas nem sempre é o melhor veículo para resolver divergências ou insatisfações que estejam sendo sentidas”, afirmou o senador.

 

MaisPB

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.