Prefeitura de João Pessoa firma parceria com o IBGE para realização do Censo 2020

Muitas mudanças ocorrem em uma população em dez anos. Para traçar um diagnóstico desse fenômeno em todo o país, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está na reta final dos preparativos para realizar o Censo 2020. Na Capital paraibana, os trabalhos terão o apoio da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) através de todas as suas secretarias. O termo de compromisso foi assinado na manhã dessa quarta-feira (16) durante a primeira reunião de Planejamento e Acompanhamento do Censo 2020, que aconteceu no Paço Municipal, no Centro.

Será o 13º Censo feito no Brasil e o nono realizado pelo IBGE, que vai visitar todos os domicílios brasileiros para levantar informações demográficas, sócias e econômicas de uma população estimada em mais de 220 milhões. Em João Pessoa, os trabalhos vão contar com a participação de 760 pesquisadores para visitar cerca de 238 mil domicílios. Representando o prefeito Luciano Cartaxo durante a reunião, a secretaria municipal de Planejamento (Seplan), Daniela Bandeira, afirmou o compromisso da gestão com o estudo e projetou dados positivos da Capital, conquistados principalmente nos últimos anos.

“Temos plena consciência da importância do Censo, principalmente para a formulação de políticas públicas futuras. Vamos oferecer nossos equipamentos e trabalhar em conjunto com o IBGE para fazer a divulgação dos dados e ajudar para que nossos moradores recebam os pesquisadores e prestem todas as informações. E temos certeza que serão levantados dados bem significativos em áreas como educação, saúde, habitação, infraestrutura e planejamento urbano, decorrentes de uma gestão que priorizou o diálogo com a população”, afirmou.

As pesquisas serão realizadas de 1º de agosto até 31 de outubro de 2020. A expectativa é de que ainda em 2020 sejam divulgadas as primeiras informações do estudo. O chefe da unidade estadual do IBGE na Paraíba, Roberto Salgado Beato, disse que sem a ajuda dos municípios seria praticamente impossível realizar o Censo, já que é necessário o apoio logístico, de espaços, equipamentos, informações e pontos de coletas. Ele avaliou positivamente o apoio que a PMJP está oferecendo para a realização do trabalho.

“É uma operação gigantesca, que vai envolver cerca de 120 mil pessoas em todo o país, contando com servidores temporários. Onde alocar todo esse pessoal? Precisamos de estrutura física, apoio para divulgação, acesso aos locais de coleta, por isso é imprescindível a ajuda dos municípios. O prefeito Luciano Cartaxo já deu sua palavra de que vai nos apoiar, chamou todo o seu secretariado para estar presente, então a gente está muito tranquilo com relação ao apoio da Prefeitura de João Pessoa”, pontuou.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.