Em São Paulo, Prefeito Romero Rodrigues e superintendente da STTP visitam Centro de Operações e Inteligência de Indaiatuba

O Prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, está em São Paulo, onde cumpre uma agenda administrativa ao lado do superintendente da STTP, Félix Neto. Nesta terça-feira, 24, o prefeito e o superintendente estiveram na cidade de Indaiatuba, interior de São Paulo, onde realizaram visita técnica ao Centro de Operações e Inteligência (COI). Na oportunidade, foram recebidos pelo Gestor em Tecnologia do COI e pelo chefe da Divisão de Inteligência, Waldemar Batista Junior e Bauer Marques Dias, respectivamente.

Referência internacional em segurança pública, o COI da Guarda Municipal de Indaiatuba foi implantado no final de 2009 e, desde então, vem ampliando suas atuações. A visita dos representantes de Campina Grande teve como objetivo conhecer os programas e equipamentos desenvolvidos e empregados no Plano de Segurança Pública, daquela cidade, para o combate à criminalidade e a manutenção da ordem.

Durante a visita, o prefeito Romero Rodrigues e o superintendente Felix Neto também assistiram uma apresentação sobre as ferramentas utilizadas na fiscalização de trânsito e na diminuição dos índices de criminalidade na cidade, sobre o projeto Câmera Cidadã e sobre as parcerias do município com as Polícias Civil e Militar do Estado de São Paulo.

“Foi uma visita bastante exitosa onde trocamos experiências sobre as tecnologias que já utilizamos na STTP. O nosso principal objetivo foi a busca desses exemplos, para que possamos replicar em Campina Grande, tanto a serviço da segurança pública como para o trânsito da cidade”, disse Romero.

O Centro de Operações, Atendimento e Despacho (Coade), onde trabalham os agentes responsáveis pelo monitoramento urbano, monitoramento de veículos, agentes da fiscalização de trânsito por vídeo monitoramento, atendentes do telefone 153 e os policiais militares, também foram apresentados aos gestores de Campina Grande que, posteriormente, conheceram a CRIM (Central Regional de Inteligência e Monitoramento) e a DIN – Divisão de Inteligência da Guarda Civil.

Para o superintendente da STTP, Félix Neto, o modelo adotado em Indaiatuba, que monitora, de forma inteligente, pessoas e veículos em pontos estratégicos, é um case de sucesso que devemos aprimorar para implantar em Campina Grande, aliado à nossa tecnologia já existente, armazenando e disponibilizando informações para o apoio das forças policiais da cidade.

O Centro de Operações e Inteligência da Guarda Civil de Indaiatuba é considerado estratégico para a segurança da cidade paulistana. Possui sistema próprio de videomonitoramento interno e externo, segurança armada 24 horas por dia, além de acesso restrito e controlado por reconhecimento fácil.

imagem
imagem
imagem

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.