Polícia prende suspeitos de praticar homicídios e tráfico de drogas e apreende 10kg de entorpecentes

Quatro adultos foram presos e um adolescente apreendido durante ações da Polícia Civil ocorridas na manhã desta quinta-feira (1), em Campina Grande. Os presos são suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas e homicídio. Ainda houve a apreensão de 10 quilos de maconha, uma balança de precisão e embalagens plásticas. Os trabalhos foram realizados pelas Delegacias de Crime Contra Pessoa e de Crimes Contra o Patrimônio, de Campina Grande.

Os primeiros a serem presos foram identificados como José Ricelli Avelino dos Santos, mais conhecido como “Todinho”, de 25 anos, e José Lopes da Silva, mais conhecido como “Robertão”, de 51 anos. Os dois são suspeitos de matar o aposentado José Isidoro Pereira, de 79 anos. Ele foi assassinado com um disparo de espingarda calibre 12 no dia 4 de junho deste ano. O crime ocorreu no sítio da vítima, na zona rural da cidade de São José da Mata, interior da Paraíba.

Segundo o delegado Francisco de Assis da Silva, a vítima estava sozinha em casa quando foi morta. “Ainda não identificamos a motivação do crime. Há informações de que a vítima emprestava dinheiro e guardava as quantias em casa. Nenhum dinheiro foi encontrado pela polícia após o crime”, afirmou.

“Mas temos provas da participação desses dois homens no crime. Solicitamos as prisões preventivas e a Justiça as decretou”, completou o delegado.

As demais prisões ocorreram quando os policiais verificavam uma denúncia de tráfico.  Ao realizar buscas em uma casa no bairro Novo Horizonte, os investigadores encontraram uma bolsa contendo 10 quilos de maconha em tablete.

Ainda havia uma balança de precisão e sacos plásticos para a embalagem. Os três moradores  da casa foram levados à delegacia. Eles responderão por crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.