Provas objetivas do concurso da Educação são marcadas para o mês de julho

As provas objetivas do concurso público para área de Educação da rede estadual de ensino estão previstas para acontecer no dia 21 de julho. Ao todo, 43.097 candidatos tiveram as inscrições homologadas, segundo o Instituto AOCP, banca organizadora do certame. O Concurso é organizado pela Secretaria de Estado da Administração em conjunto com a Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, e teve o edital de deferimento das inscrições publicado nesta terça-feira (18), no Diário Oficial do Estado. Estão sendo oferecidas 1.000 vagas para o cargo efetivo de Professor de Educação Básica III, da carreira do Magistério Estadual. Desse total, 50 vagas são destinadas às pessoas com deficiência.

Os locais e horários das provas serão divulgados no dia 3 de julho, conforme cronograma previsto em edital. Os candidatos poderão acessar o site da organizadora (www.institutioaocp.org.br) na data citada e imprimir o ‘Cartão de informação do candidato’.

Os aprovados serão distribuídos entre as 14 Regionais de Ensino (Gerência Regional de Educação) e serão nomeados logo após o resultado final do concurso. O salário oferecido para os que vão disputar as vagas é de R$ 2.110,12, com carga horária de 30 horas semanais.

Segundo a secretária de Estado da Administração, Jacqueline Gusmão, este é o quarto concurso para o cargo de Professor de Educação Básica III, no período de 2011 a 2019, totalizando 5040 vagas ofertadas. “A realização de concursos públicos é um dos compromissos do governo João Azevêdo e a educação é uma das metas prioritárias desse primeiro ano de gestão”, ressaltou a secretária.

O secretário de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, Aléssio Trindade, afirmou que, além de ser um compromisso de governo, o concurso valoriza a categoria dos professores. “Esse concurso é uma promessa cumprida do governador João Azevêdo e uma valorização muito grande dos professores. É também uma satisfação grande poder fazer essa integração da Secretaria de Administração com a de Educação para conseguir viabilizar o cumprimento de uma ação tão grande e estruturada”, ressaltou Aléssio.

Estão sendo ofertadas vagas para 13 disciplinas: Artes (72), Biologia (150), Educação Física (68), Filosofia (6), Física (47), Geografia (72), História (78). Língua Espanhola (18), Língua Inglesa (61), Língua Portuguesa (195), Matemática (199), Química (28) e Sociologia (6).

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.