Dia da Mata Atlântica: PMJP faz plantio na área urbana e recupera áreas verdes da Capital

Nesta segunda-feira (27), ambientalistas em todo o Brasil comemoram  o Dia da Mata Atlântica. Localizada no contexto geográfico das Bacias Costeiras do Atlântico Nordeste Oriental, o município de João Pessoa tem uma área de 211,474 km² (IBGE,2010) e, assim como toda região costeira da Paraíba, nosso principal bioma é a Mata Atlântica.

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), vem promovendo uma série de ações para preservar e recuperar as áreas de Mata Atlântica da cidade. O município possui 3.439,58 hectares de remanescentes vegetais, com 1.060,25 hectares de áreas de mangue. Isso corresponde a 30,67% de cobertura vegetal no território do Município, com uma média de 47,11 m² de área verde por habitante.

Mata Atlântica na Paraíba – Segundo dados da Fundação SOS Mata Atlântica, a Paraíba encontra-se entre o grupo dos nove  estados que estão próximos de chegar ao nível de desmatamento zero. Os dados mostram que dos 17 estados situados na área da Mata Atlântica, sete têm um índice de desflorestamento em torno de 100 hectares (1 km²) . A Paraíba se destaca com um nível de desmatamento em torno de 33 hectares, junto com Ceará (7 ha), Alagoas (8 ha), Rio Grande do Norte (13 ha), Rio de Janeiro (18 ha), Espírito Santo (19 ha),  Pernambuco (90 ha), São Paulo (96 ha) e Sergipe (98 ha).

Para o secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto, “os dados positivos da Fundação SOS Mata Atlântica, em relação a Paraíba, tem uma influência das ações feitas em João Pessoa e mostram que estamos no caminho certo. Para a gestão, promover o replantio e recuperar áreas degradadas é uma forma de preservar o nosso patrimônio ambiental. E são ações prioritárias para a Prefeitura. Em todos os eventos promovidos pela Semam falamos sobre a necessidade de replantar e promovemos a distribuição de mudas”, concluiu.

Plantio urbano – Este ano a Semam deve plantar e distribuir 45 mil mudas de árvores nativas. Em  2018, foram plantadas 40 mil mudas. Em  2017, a Semam promoveu o plantio de 53.760 mudas de árvores nativas em áreas de mata ciliar (perto dos rios), parques e áreas de proteção permanente, praças, canteiros de ruas e avenidas, escolas, Centros de Referência em Educação Infantil (Crei) e condomínios. No período 2013 a 2016, foram plantadas 123.427 mil mudas. A produção é feita no Viveiro Municipal de Plantas Nativas, que fica na Rua Embaixador Sérgio Vieira de Melo, s/nº – Valentina Figueiredo, em frente ao Sesc Gravatá.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.