Raniery demarca território em defesa da UEPB

O deputado estadual Raniery Paulino, usou a Tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba, na manhã desta quarta-feira (15), dia dedicado a  mobilização em defesa das universidades e institutos federais para manifestar contrário as medidas do Governo Federal e também cobrar soluções  para o desmonte feito na UEPB nos últimos oito anos.

Em seu discurso, Raniery criticou o governo federal pela falta de diálogo com as instituições.

“Venho aqui renovar minha solidariedade a respeito desse corte linear feito pelo Governo Federal, sem ter feito uma negociação, um diálogo” avaliou.Durante seu discurso, Raniery ressaltou que o ato do governo Federal é  uma violência contra educação “Não poderia ficar silente diante desse ato, que no meu entendimento é uma violência a educação pública”, disse.

Preocupado com a educação da Paraíba, Raniery ampliou o discurso e falou sobre a problemática que passa a UEPB, nos últimos oito anos.

“Não há como não fazer um paralelo. Bolsonaro está para a Universidade Federal, assim como está Ricardo Coutinho para a Universidade Estadual da Paraíba ”, afirmou o deputado. “A mesma violência. Eles são idênticos, em relação aos cortes das universidades, irmãos siameses, irmãos gêmeos, a UEPB já perdeu quase R$ 500 milhões ao longo de nove anos”, criticou Raniery.

O parlamentar, ainda mostrou preocupação com o ingresso de estudantes na instituição no ano que vem podendo passando a ter um acesso por ano.

” Este ano a eminência de fechamento de semestre existindo apenas uma entrada, a  UEPB ingressa todos os anos em fevereiro e em agosto e a gente aqui, iremos ficar com cara de paisagem com essa essa problemática que vive a UEPB” disparou Raniery.

SESSÃO ESPECIAL

Preocupado com o desmonte na UEPB e com os cortes nas Universidades federais, Raniery Paulino participou de uma audiência pública no TCE, na tarde desta quarta-feira(15) onde foi debatido sobre a educação no Brasil.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.