João Azevêdo inspeciona construção e reforma do Complexo Educacional José Lins do Rego

O governador João Azevêdo inspecionou, nesta sexta-feira (8), as obras de construção e reforma do Complexo Educacional José Lins do Rego, que abriga o campus da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado no bairro Cristo Redentor, em João Pessoa. A obra representa um investimento de aproximadamente R$ 10 milhões e irá beneficiar mais de 2 mil estudantes.

De acordo com o governador, as intervenções realizadas no local representam o compromisso do Governo com a Educação da Paraíba.  “Além da construção do campus da UEPB, nós estamos realizando a reforma para abrigar os estudantes da escola José Lins do Rego.  É importante entender que o Governo do Estado faz um esforço muito grande para manter esse patamar de obras e o campus da UEPB de João Pessoa oferecerá todas as condições de ensino para os seus alunos”, destacou.

A superintendente da Suplan, Simone Guimarães, explicou que o novo prédio vai contar com 18 salas de aula e será inaugurado em agosto deste ano. “Esta será uma obra com quase 3 mil metros² de área quando juntamos construção e urbanização. A Escola Orlando Cavalcanti também passa por intervenções para abrigar parte dos alunos da Escola José Lins do Rego. Essa estruturação será muito bacana para as escolas que já são tradicionais no bairro”, ressaltou.

A diretora do Campus V da UEPB, Jacqueline Echeverria, disse que as obras promovidas pelo Governo permitirão a oferta de novos cursos na instituição.

“A Universidade precisa desse crescimento e dessa inovação porque temos muitas demandas para outros cursos, mas pela falta de espaço, nós sempre nos limitamos a ofertar três cursos de graduação e um curso de mestrado. Por esse motivo, é muito importante esse investimento para a educação porque a Universidade estava precisando dessa ampliação”, declarou.

As obras seguem os padrões ambientais, oferecendo conforto térmico, acústico e visual, minimizando a necessidade do uso permanente de iluminação artificial. As intervenções realizadas no local também permitirão a utilização da água da chuva, trazendo várias vantagens, a exemplo da redução do consumo de água na rede pública e do custo de fornecimento, evitando a utilização de água potável na descarga de vasos sanitários, irrigação de jardins e na lavagem de pisos.

Além das salas, estão sendo construídos banheiros, secretaria, almoxarifado, coordenação, copa e escada de acesso ao pavimento superior.

A vice-governadora Lígia Feliciano e o secretário de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga também acompanharam o governador na visita.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.