Número de turistas argentinos cresce 52% em João Pessoa

O número de turistas argentinos que desembarcaram em João Pessoa tem criado uma segunda língua no segmento turístico da Paraíba. De acordo com dados estatísticos do Fluxo Global Estimado para a capital paraibana, no ano passado, em relação a 2016, houve um crescimento de 47,31% no número de argentinos hospedados na rede hoteleira, e a presença deles cresce mês a mês.

 

De janeiro a junho deste ano, o número de argentinos na Paraíba foi maior do que todos os turistas de outras nacionalidades, apontando um aumento de 52,95%. No período, passaram pela capital paraibana 2.513 argentinos, enquanto em 2017 foram 824 turistas. Para se ter uma ideia, os americanos, que vêm em segundo no ranking estatístico da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), somaram 580, com um aumento de 11,29% comparados os dois períodos.

 

O incremento do número de argentinos na Paraíba tem sido resultado do primeiro voo direto operado pela Gol Linhas Aéreas desde de julho do ano passado, por meio de uma parceria com o Governo do Estado. Segundo a presidente da PBTur, Ruth Avelino, existe a expectativa de operação de um segundo voo no próximo período de alta estação.

 

Além da redução dos custos desse voo, o processo de divulgação do Destino Paraíba tem sido um reforço na atração dos turistas argentinos. No final de semana passada, o jornal e portal La Nacion, um dos principais veículos de comunicação da Argentina, publicaram uma reportagem especial sobre os principais roteiros pela Paraíba. A reportagem foi assinada pela jornalista Silvina Beccar Varela.

 

A vinda da jornalista argentina foi mais uma ação da PBTur e Embaixada do Brasil na Argentina, com o apoio da GOL, ABIH-PB, Abrasel-PB, Prefeitura do Conde e ATCC (Associação Turística da Costa do Conde).

 

A reportagem faz um passeio comentado por diversos pontos turísticos entre João Pessoa, Cabedelo e Costa do Conde. As praias foram mais destacadas, não só porque os argentinos ficam maravilhados com o litoral, mas, sobretudo, pela beleza, limpeza e tranquilidade que se transformam em cartões postais.

 

O roteiro percorrido por Silvina Varela passou ainda pelo Centro Histórico da capital paraibana e as suas belas igrejas, com citação especial ao Convento de São Francisco e o Centro Cultural. A gastronomia não foi deixada de lado, reconhecida pela jornalista como uma grata surpresa.

você pode gostar também Mais do autor