João defende participação de alunos e professores na gestão da UEPB e projeta VLT para CG

Em passagem por Campina Grande nesta quinta-feira (12), o pré-candidato do PSB ao Governo do Estado, João Azevêdo (PSB), destacou a importância da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) para o desenvolvimento do Estado, e defendeu uma maior transparência na gestão da instituição, com a participação de estudantes e professores.
João destacou o aumento no repasse do duodécimo para a UEPB nos últimos anos, lembrando que em 2010, o Governo do Estado repassou R$ 180 milhões, e em 2017, saltou para R$ 289 milhões.

“O que temos que levar em consideração é que o gestor tem que se adequar aos tempos de crise que vivemos e, por isso, defendemos uma gestão mais transparente, com a participação dos estudantes e professores, elaborando o planejamento interno”, declarou o socialista em entrevista à Rádio Campina FM.

João Azevêdo lembrou ainda os investimentos que foram feitos pelo Governo do Estado em Campina Grande nos últimos 7 anos e meio que, segundo ele, ultrapassam a marca de R$ 1,75 bilhão.

O pré-candidato do PSB ressaltou que, quando assumir o comando do Estado, vai viabilizar a implantação de um VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), ligando o conjunto Aluízio Campos à área central da cidade, passando pelo aeroporto João Suassuna, estádio Amigão, Distrito Industrial, açude Pedregal, Universidade Federal da Paraíba (UFPB), UEPB, Hospital da FAP e Parque Bodocongó, beneficiando, com isso, a área mais movimentada de Campina Grande.

“É possível, inclusive no futuro, estender o VLT do distrito de Galante até a cidade de Puxinanã”, pontuou João Azevêdo, que nesta quinta em Campina Grande, também participou de um encontro com representantes da agricultura familiar de 19 cidades da região.

você pode gostar também Mais do autor