Cássio diz que Ricardo é “cruel e perverso” ao cobrar ICMS de pipeiros

Para o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), a decisão do Governo do Estado em cobrar o imposto de 18% do ICMS sobre o serviço de abastecimento dos carros-pipa presta um desserviço à população da Paraíba, principalmente das regiões que sofrem com a escassez de água, como o Sertão do Estado.
“Esse imposto não prejudica os pipeiros, apenas. Prejudica sobretudo aqueles que precisam da água para a sobrevivência e para manter a sua pequena produção”, lembra Cássio.
O senador diz que a decisão confirma uma marca perversa deste governo, que é a de aumentar impostos que prejudicam principalmente a população mais pobre, como os da conta de água, uma das mais caras do País, que já passou por seis reajustes desde 2011.
“A expressão indústria da seca nunca fez tanto sentido. Porque querer obter lucro das dificuldades da população é olhar apenas para o caixa, para a arrecadação, e não para as pessoas. Cobrar ICMS sobre carro-pipa, na nossa opinião, é desumano”, conclui.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.