Botafogo vence em Cajazeiras e Treze ganha do Campinense; confira os jogos do Paraibano

Atlético de Cajazeiras X Botafogo-PB

No Perpetão, em Cajazeiras, Atlético de Cajazeiras e Botafogo-PB se enfrentaram pela quinta rodada do Campeonato Paraibano de 2018. Poupando alguns titulares, o Belo não sofreu sustos, e venceu por 2 a 0. Agora, o time da capital encosta na liderança do Grupo A.

Sem o lateral esquerdo Fábio Alves, o meio campista Allan Dias, o meia Marcos Aurélio e o atacante Nando entre os titulares, poupados por causa do jogo contra o Floresta-CE, em Fortaleza, no meio da semana, o Belo mudou de esquema, passando a jogar com dois homens pelo lado do campo no ataque. Com Dico na esquerda e Marlon na direita, o Bota-PB apostava nas jogadas em velocidades por aqueles setores, e deu certo.

Aos 12 minutos, após jogada pela esquerda, Dico cruzou para o meio da área, onde Rafael Castro chegou dividindo com o zagueiro e mandou de cabeça no canto esquerdo do goleiro Jéfferson para abrir o placar no Perpetão.

Dois minutos mais tarde, Dico recebeu de Humberto pela esquerda, veio para o meio e bateu de pé direito. A bomba do camisa 11 passou com perigo, ao lado esquerdo da meta atleticana.

O Trovão chegou com perigo pela prmeira vez aos 30 minutos. Mosquito sassaricou pela direita e cruzou na pequena área. Edson defendeu. Jorge Mauá chegava para escorar para o gol, mas Gladstone se antecipou e afastou o perigo.

Em um lance de bola parada, quase o Belo ampliava o placar. Mazinho cobrou falta pelo Mazinho, a bola cruzou toda a área, não desviou em ninguém, e quase entra na meta do Trovão, mas passou tirando tinta do poste direito da trave.

No segundo tempo, logo aos 6 minutos, boa chance atleticana. Pela meia esquerda, Alyson achou Mosquito, que tocou de biquinho, mas a bola passou a esquerda do gol de Edson.

Aos 27, quando o Atlético de Cajazeiras mais pressionava, o Belo acertou um contra-ataque puxado por Netinho, que tabelou com Mazinho e recebeu novamente na entrada da área, onde ajeitou o corpo e mandou, de pé direito, um belo chute no ângulo esquerdo de Jéfferson, marcando um golaço, seu primeiro com a camisa do Botafogo-PB, ampliando o placar no sertão.

O Trovão respondeu aos 32, quando Mosquito fez jogada pela esquerda e cruzou. Na hora de fazer o corte, Gladstone quase marcou contra, mas a bola acabou em escanteio.

Ainda no finalzinho, o Atlético tentava marcar pelo menos um golzinho. Aos 43, após cobrança de falta ensaiada, Duílio apareceu por trás da defesa botafoguense sozinho, mas chutou cruzado, de pé esquerdo, muito por cima da meta dos pessoenses.

O Botafogo-PB segue invicto no Paraibano, e agora tem 11 pontos, um a menos que o Campinense, líder do Grupo A. Na próxima rodada o Belo pega o Serrano, no Amigão. Já o Atlético de Cajazeiras permanece com 6 pontos, mas mantém a segunda colocação do Grupo A. Pela sexta rodada, o Trovão vai enfrentar o Nacional, em Patos.

Treze X Campinense

De vilão a herói. Depois de perder uma penalidade contra o Botafogo-PB, o ex-raposeiro Reinaldo Alagoano marcou o gol da vitória do Treze no Clássico dos Maoriais diante do Campinense, neste domingo, no Estádio Amigão.

Além de reabilitar o time na competição, já que não vencia há três partidas, o triunfo interrompeu os 100% de aproveitamento da Raposa. O Galo assumiu a liderança do Grupo B, com oito pontos. Já o Campinense, mesmo com o revés, permanece na ponta da tabela do Grupo A, com 12 pontos.

Na próximo domingo, o Campinense vai enfrentar a Desportiva Guarabira, no Silvio Porto, pela fase de volta. Já o Treze enfrentará o Auto Esporte no sábado, no Almeidão. Antes porém, o time do treinador Oliveira Canindé fará sua estreia na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Criciúma, em Campina Grande.

CSP X Auto Esporte

A tarde de domingo (28) teve o dérbi pessoense movimentando o estádio Almeidão. CSP e Auto Esporte se enfrentaram sem ainda ter vencido uma partida sequer no Campeonato Paraibano de 2018. Com dois gols de Hélio Paraíba, o Tigre venceu por 2 a 1 e impôs o quinto revés automobilista em cinco rodadas. Biro Biro descontou para os alvirrubros.

No primeiro tempo, gol, só de pênalti. Aos 38 minutos, depois de Jé ter derrubado Leandro na área, Hélio Paraíba foi para a cobrança e deslocou Adson para abrir o placar para o CSP.

O Auto Esporte reagiu na segunda etapa. David Modesto chutou cruzado e Wallace espalmou, deixando a bola livre para Biro Biro empatar o marcador aos 28 minutos.

Quando parecia que o Clube do Povo somaria seu primeiro pontinho na competição, veio o balde de água fria. Aos 43 minutos, Hélio Paraíba foi lançado na área e mandou para o gol, garantindo o primeiro triunfo do Tigre no campeonato.

O CSP chegou a 5 pontos no Paraibano, e ocupa agora a quarta colocação do Grupo B. Na próxima rodada, o tricolor da capital recebe o Sousa, em João Pessoa. O Auto Esporte segue sem pontuar, na lanterna do Grupo A. Seu compromisso pela sexta rodada será contra o Treze, no Carneirão.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.