Paraíba registra mais de 1.200 assassinatos em 2017, mas apresenta redução

Mais de 1,2 mil pessoas foram assassinadas na Paraíba em 2017. Os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds) nesta terça-feira (9) apontam uma redução de 2,87% no comparativo aos 1.322 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) registrados em 2016.

Em João Pessoa, o número de homicídios diminuiu de 350 para 298 mortes, em um ano. A redução é de 14,8%. Em Campina Grande, houve aumento de 133 CVLI para 153, entre 2016 e 2017. A alta é de 15%, segundo os dados da secretaria.

De acordo com o secretário de segurança Cláudio Lima, a redução se deve à implementação do programa Paraíba Unida Pela Paz. “Buscou-se fazer um diagnóstico nos últimos anos e criar-se uma base. A primeira base foi a lei que criou a base territorial e a base de responsabilidade pessoal para o programa chamado Paraíba Unida Pela Paz”, explicou.

Sobre os crimes em outros estados no Nordeste e no restante do país, o governador Ricardo Coutinho destacou que “se não falarmos em uma política nacional de segurança, os estados vão continuar a enxugar gelo. É preciso que o governo federal chame a responsabilidade, porque o que vemos é que o crime migra”. Fonte G1 Paraíba.

você pode gostar também Mais do autor