“Um quer o apoio do outro”, dispara deputado estadual sobre campanha de 2018

O ex-governador da Paraíba, Roberto Paulino (PMDB), em entrevista à um programa de TV, cogitou a possibilidade do senador Tucano Cássio Cunha Lima (PSDB) e o governador Ricardo Coutinho (PSB) subirem juntos ao palanque em 2018, afirmando que “tudo é possível”. E essa declaração trouxe uma grande repercussão nesta terça-feira (28) na Assembleia Legislativa da Paraíba.

O deputado estadual e líder do governo Hervázio Bezerra (PSB), destacou que em função do momento atual, os campos opostos estão separados na política e estão perfeitamente definidos. Na oportunidade, aproveitou e voltou a levantar a tese que o ‘Campestre, está vivo na memória de Maranhistas e Cassistas: “o partido de Roberto Paulino que está buscando apoio de um lado e de outro e volto a falar – o Campestre ainda está muito vivo. Maranhão quer o apoio de Cássio e vice-versa. Um quer o apoio do outro, difícil é definir quem vai apoiar quem”, disparou o líder governista.

Quando questionado sobre a candidatura de João Azevedo o deputado destacou: “não se atira pedra em arvore que não dá frutos. João Azevedo vem incomodando muito a oposição, pois nós temos um governo eficiente, competente e forte sob qualquer aspecto. O nome que incorpora à gestão de Ricardo Coutinho é sim, João Azevedo”, ressaltou Hervázio Bezerra.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.