Corpo de Bombeiros realiza operação durante a Romaria da Penha

A 254ª Romaria de Nossa Senhora Penha vai contar com um reforço no efetivo e esquema especial montado pelo Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB), a fim de evitar acidentes. No evento, que terá início na noite deste sábado (25), a corporação empregará aproximadamente 150 militares, apoiados por 25 viaturas de todas as modalidades de atendimento: pré-hospitalar, busca e salvamento e combate a incêndio.

O objetivo da operação é ainda garantir o bem-estar dos romeiros e o pronto-socorro, em casos clínicos ou de urgências. Para isso, conforme o chefe da seção de Planejamento e Operações do CBMPB, major Almir Peixoto, o corredor de quase 14 quilômetros de caminhada contará com bombeiros distribuídos em pontos estratégicos.

Desde a concentração, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes, no Centro, até a dispersão na Penha, serão colocados dois postos de observação, oito tendas de atendimento ao público e mais um posto de guarda-vidas na praia da Penha. As tendas estarão equipadas com materiais de primeiros socorros.

“Na área da missa campal, vamos estacionar um micro-ônibus, com equipamentos mais avançados de primeiros socorros para atender casos mais complexos, que será coordenado por um bombeiro médico”, destacou o major. Na Penha, além de duas duplas de guarda-vidas, a operação escalará uma embarcação para monitoramento no mar, com uma equipe de piloto e auxiliar.

Na orla, o trabalho começará antes mesmo do início da romaria. Na sexta-feira (24), os bombeiros já estarão no local em regime de plantão, em virtude da chegada antecipada dos romeiros que costumam viajar em caravanas e acampar na praia. Os guarda-vidas permanecerão na Penha até o fim da tarde de domingo (26).

Recomendações – O Corpo de Bombeiros orienta aos fiéis que se alimentem bem e se hidratem durante o percurso. “A hidratação é importante, porque mesmo sendo à noite, o desgaste é grande”, comentou o major Almir Peixoto, ao acrescentar que quem tem problema de saúde deve evitar fazer todo o percurso. Ele também lembrou que crianças e idosos devem estar sob supervisão de um responsável e, quem se sentir mal, deve procurar um apoio do Corpo de Bombeiros ou dos órgãos de saúde presentes na romaria.

Quando se sentir cansado, uma dica é parar um pouco. Quem tem problemas com fobia de multidão, deve evitar ir aos locais de concentração de público ou acompanhar a romaria de um lugar mais distante.

Confira os locais dos postos de atendimentos do CBMPB:

– Avenida Dom Pedro II, próximo à “Santinha”

– Posto policial da UFPB

– Proximidades do Carrefour Bancários

– Caixa Econômica dos Bancários

– Em frente ao Centro de Zoonoses de Mangabeira

– Em frente ao Imeq em Mangabeira

– Posto Federal da Penha

– Em frente à Unidade de Saúde da Penha

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.