Câmara da Capital aprova projeto que proíbe inclusão de consumidores em atraso no SPC/Serasa

Os vereadores da Câmara Municipal de João Pessoa aprovaram por maioria em sessão na manhã desta quarta-feira (08) o projeto que impede a inclusão de nomes de consumidores que atrasem o pagamento das contas de água e energia em cadastros de negativação de crédito. A proposta de Projeto de Lei foi apresentada pela vereadora Raíssa Lacerda (PSD).

Após discussões em plenário, 19 vereadores votaram a favor do projeto, quatro votaram contra e um se absteve da votação. Em plenário os vereadores explanaram o assunto e mostraram suas opiniões sobre o projeto de lei.

Ainda na manhã desta quarta-feira antes da apreciação da matéria em plenário, a Energisa enviou à Câmara de João Pessoa um relatório considerando que a proposta da vereadora seria inconstitucional. Raíssa Lacerda considerou desnecessária manifestação da empresa. “Essa casa é independente. É uma casa legislativa que defende o povo”, declarou a vereadora em defesa de sua propositura.

Após a votação, a vereadora Raíssa Lacerda se pronunciou em plenário e afirmou estar muito emocionada. Ela afirmou que em conversas com o prefeito Luciano Cartaxo recebeu a garantia de que seu projeto seria sancionado o mais rápido possível.

“Essa vitória não é da vereadora Raíssa. Essa vitória, além de ser da Câmara de João Pessoa, é da população de João Pessoa”, comemorou Raíssa Lacerda em pronunciamento em plenário.

 

ClilckPB

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.