Oposição diz ter assinaturas suficientes para emplacar CPI dos codificados na ALPB

O deputado estadual Bruno Cunha Lima (PSDB) revelou nesta quarta-feira (24), que a oposição já reuniu a quantidade suficiente de assinaturas para dar início a uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) a fim de investigar a contratação dos funcionários codificados no Governo do Estado.

“São mais de oito mil funcionários que burlam a Constituição porque ingressaram no funcionalismo público sem um concurso, nem contratação excepcional, nem como comissionados. Nós queremos que o governo regularize esses trabalhadores”, disse.

 

Por outro lado, o líder do governo na Assembleia Legislativa (ALPB), Hervázio Bezerra (PSB), afirmou que a questão dos codificados era de conhecimento público. De acordo com o socialista, foi preciso utilizar esse tipo de contrato pelo crescimento dos hospitais criados pelo governo paraibano.

“Só quem não conhecia o tema eram os deputados. Foi preciso Manoel Isidro [presidente do Sindifisco-PB] dizer que todos os codificados e suas unidades de trabalho estão no Sagres. Não foi Ricardo Coutinho (PSB) que criou isso, foi ele quem deu transparência”, garantiu.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.