Vereadores aprovam quase R$ 6 milhões em ‘créditos especiais’ para a Prefeitura de João Pessoa

Os vereadores pessoenses realizaram, nesta quinta-feira (24), uma votação de projetos que se encontravam em tramitação na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP). No total, foram aprovadas 46 matérias, entre as quais estão dois Projetos de Lei (PLs) do Executivo autorizando abertura de créditos especiais em secretarias municipais, num total de R$ 5.850.000,00.

O PL 1.533/2016 autoriza abertura de crédito especial no valor de R$ 4,5 milhões na Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), para inclusão de novas naturezas das despesas em ações já existentes, voltadas para implantação, recuperação e manutenção da rede pública de iluminação de João Pessoa.

Segundo o artigo 2º do PL, os recursos necessários à abertura desse crédito especial correrão por conta do excesso de arrecadação verificado durante a execução orçamentária, mediante a variação percentual positiva contabilizada na fonte de recursos ordinários de contribuição para o custeio de serviços de iluminação pública (Cosip).

Já o PL 1.532/2016 autoriza abertura de crédito especial na Secretaria de Planejamento (Seplan), na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e na Secretaria de Finanças (Sefin), totalizando R$ 1.350.000,00. Os valores serão destinados a encargos com indenizações e restituições e à manutenção de serviços administrativos. Para isso, será feita anulação de dotação orçamentária da Seplan, onde constava a implantação do Complexo Turístico, Cultural e de Serviços da Cidade Antiga de João Pessoa.

Durante a votação, foram registrados votos contrários apenas do vereador Chico do Sindicato (PT do B) e da vereadora Sandra Marrocos (PSB), em virtude da negativa de concessão a um pedido de vistas dela para apreciar melhor a solicitação do Executivo. “Não estou me colocando contra a suplementação, mas também não posso votar favorável sem nem observar para onde vão esses R$ 4,5 milhões”, afirmou a parlamentar.

Assessoria CMJP

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.