MP Procon e polícia fecham as portas do Extra da Epitácio por falta de higiene e proliferação de baratas

Uma fiscalização do MP-Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do MPPB), realizada nesta terça-feira (5), interditou o hipermercado Extra, localizado na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa.

De acordo com o MP-Procon, o motivo do fechamento do estabelecimento é a proliferação de baratas e insetos no interior da loja.

O fato partiu de alguns consumidores, que denunciaram a falta de higiene no Extra da Epitácio Pessoa, posteriormente comprovada por técnicos da Vigilância Sanitária e do MP-Procon..

“Detectamos uma manifestação de baratas no supermercado (Extra). A partir daí, pedimos a interdição completa do estabelecimento para que possa ser executada a higienização. Eles foram notificados agora e será aberto prazo para que eles se manifestem afirmou o coordenador Jurídico do MP-Procon, Vitor Martorelli.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.