Na volta do PPS a base dos aliados, Ricardo critica Cartaxo e ressalta ‘talento’ de Nonato

Durante a solenidade em que o PPS e o PSB voltaram a se unir, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), não poupou críticas ao prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD). Ricardo ratificou as falas do vice-prefeito e presidente estadual do PPS, Nonato Bandeira e de Cida Ramos: “A cidade efetivamente perdeu seu prumo, sua paixão e muito da sua capacidade de sonhar e de ser maior porque o governo apequenou e tornou a cidade menor”.

“Acho que o talento de Cida e de Nonato somam para o melhor da cidade. João Pessoa não pode continuar a ter um governo tão insosso, sem respostas para as demandas da população”, frisou o gestor estadual que ainda fez questão de destacar: “João Pessoa não é do tamanho da inauguração de uma suposta praça com dois bancos, não é do tamanho de uma festa para inaugurar um ar condicionado dentro de uma escola. João Pessoa tem outros sonhos, outras necessidades, outras demandas, é preciso que forças progressistas se juntem como o PPS e o PSB”, disse.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.