Maranhão recua e decide revogar decisão de anular sessão do impeachment

O presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA), decidiu ainda na noite desta segunda-feira (10) revogar a decisão de anular a sessão da Câmara que aprovou a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Maranhão assinou dois ofícios, um com a decisão da presidência da Câmara e outro destinado ao presidente do Senado, Renan Calheiros. O texto do documento sobre a decisão tomada diz o seguinte:

“Revogo a decisão por mim proferida em 9 de maio de 2016 por meio da qual foram anuladas as sessões do plenário da Câmara dos Deputados ocorridas dias 15, 16 e 17 de abril de 2016, nas quais se deliberou sobre a Denúncia por Crime de Responsabilidade n.1/2015”.

No documento destinado a Renan Calheiros, Waldir Maranhão apenas comunica oficialmente a revogação da decisão de anular a sessões dos dias 15, 16 e 17 de abril.

 

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.