Para coordenador de Campanha, saída de João Azevedo fortalece candidatura do PMDB

O coordenador geral da pré-campanha do deputado federal, Manoel Junior (PMDB), a prefeito de João Pessoa, Marcus Alves, analisou, nesta quarta-feira (27), a retirada da pré-candidatura do secretário estadual de Infraestrutura, João Azevedo. Segundo Alves, a substituição de Azedo comprova pontos que vinha sendo levantados pelo grupo peemedebista desde dezembro do ano passado.

marcus alves

Um ponto destacado pelo coordenador é o fato do eleitor de João Pessoa ser especial e diferenciado, prezar “pela autonomia, não se submeter a candidaturas impostas por governadores e gostar de alternância de poderes”. “Não quer a prefeitura sendo administrada pelo mesmo grupo que está no governo do Estado”, afirmou.

 

Marcus Alves ressaltou também que a retirada da candidatura de Azevedo fortalece ainda mais o nome de Manoel Junior, pois terá um novo realinhamento nos âmbitos nacional, estadual e municipal.

 

“Com a retirada de João Azevedo, o realinhamento acontecerá numa linha já vínhamos falando, que é a polarização entre as candidaturas de Manoel Junior e do prefeito atual. Manoel Junior é o único nome capaz de levar para segundo turno. E a partir de agora teremos uma nova rodada de articulação política”, declarou.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.